quarta-feira, 30 de junho de 2010

Cacto...



Dono de uma beleza singular, aos olhos dos leigos ele se aproxima da introspecção.
Há nele alguns espinhos, sim, mas estes foram adquiridos como forma de proteção.
Admiro sua força e sua capacidade de "lutar" e conquistar a '"VIDA"', mesmo muitas vezes ela se mostrando não tão bela quanto aparenta ser.
Sua persistência atrai e isso lhe torna raro
Em meio a um deserto ele se faz único.
Constantemente em busca de intensidade,de altas temperaturas.
E o seco ele observa como necessidade.
Sua fome é alcançar o que muitos não alcançam.
E suas raízes lhe permitem resistir ao tempo... e sobreviver
Ele é sentimento, verdade e desejo.
Para quem consegue sentir, pois muitos passam desapercebidos ao exótico e belo cacto...
Muitos não enxergam seu real sentido e força.
É fácil apreciar a beleza de uma Rosa, mas maravilhoso é encontrar no cacto uma semelhança e atração.


Beijos
Rê Pinheiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário