quinta-feira, 16 de junho de 2011

SEI LÁ






Dá para você entender o meu “sei lá”?
Sei lá se eu te amo.
Sei lá se amanhã vou viajar ou não.
Se estarei a seu lado ou não.
Porque querer saber tanto, o que eu não sei?
Eu sei de coisas que eu sei.
Por exemplo:
Que sempre acordo de bom humor.
Que detesto gente que come de boca aberta e faz barulho.
Sei que amo vinho tinto, bem tinto, cachoeiras, água sem gelo e banho muito quente.
Sei que não gosto de pastel de queijo e não suporto gente que reclama de tudo.
Também sei que hoje não sou adepta a fazer muitos planos.
Porque sempre tudo que planejo nunca sai do jeito que planejei.
Planejei muitas coisas e nada deu certo.
Um dia planejei, me casar novamente e viver para sempre casada,e fazer aquele doce e esdrúxulo papel de esposa "perfeita".
Queria realizar todos os desejos do homem mais idiota do mundo e, no entanto não me casei com ele.
Lá se foi o casamento, lá se foram os planos, e foi lá se foi... Ele se casou com uma pobre coitada que acha até hoje que é esposa mais feliz do mundo porque se casou com ele o tal cara mais idiota deste mundo.
Lindo isso não?
Na época gastei horrores com lenços, e remédios para dormir, só não fui a terapeutas porque jamais eles teriam a capacidade de falar alguma coisa que eu já não soubesse.
MASSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS...
Os anos se passaram, a vida mudou, tudo mudou, mudei de endereços, andei, lutei , viajei, conheci pessoas, aprendi a detestar pessoas, ganhei muita coisa, coisas que poucos aprenderam a dar valor.
Mas houve momentos que olhei para o céu e desejei ter asas para voar até lá e tentar ter uma prosa ali do lado, bem pertinho de Deus.
Nos piores momentos dei risada de mim mesma, e descobri que quando as coisas estão ruins elas podem piorar, e como pioram...
Porém tem uma hora que elas mudam e a roda gigante da vida gira e num instante que estamos lá embaixo é o momento em que estamos pegando força para subir.
Agradeço, porque, conquistei amizades verdadeiras e eternas, pessoas que nem o tempo ou à distância me farão esquecer.
Ganhei alguns quilos, meus peitos caíram, as rugas apareceram, mas com tudo isso veio o que temos de melhor, a experiência.
Aquela capacidade maravilhosa de saber separar muito bem o joio do trigo.
Aprendemos que a aquela linda frase “Eu te amo” não representa porcaria nenhuma se não estiver ao lado uma palavra fascinante que dá-se o nome de ATITUDE.
Aquele Blá blá blá, toda aquela lenga lenga, que achamos lindo quando somos adolescentes surge vestida de novas cores, sabores e amores.
Não que tenhamos perdido o romantismo, mas sim, nós adquirimos sabedoria.
E hoje não são as flores, as belas frases copiadas de cartões de amor, tão pouco as falsas promessas que farão ésta pessoa mudar de opinião.
Um dia conversando com um amigo ele me disse que não teria ao lado uma mulher fraca que tivesse medo de ficar sozinha.
Interessante isso não?
Acredito que estar com alguém ou estar só, não interfere em minha força e determinação.
Sou o que sou, estando só, mal ou bem acompanhada.
Fato é, hoje acordei sem paciência para gente chata e burra.
E sem saco para ouvir aquela musica tosca e nostálgica da Ana Carolina.
Hoje eu queria mesmo é estar lá no Salto Angel conversando com minhas caraminholas.
Ou quem sabe numa cama bem macia e bem grande, comemorando o dia dos namorados atrasado, ou com meus queridos e apaixonantes travesseiros.
Gostaria que ésta dor de cabeça desaparecesse de vez porque quando estou com ela não penso direito e acaba dando nisso um texto que só sei que sei lá.

Beijos

Rê Pinheiro

4 comentários:

  1. Sei lá,

    É Divino ler suas citações e saber que tenho em vc uma amiga para todo o sempre, concordo com muitas coisas escritas aqui,aprendi muito com vc na vida, mesmo com apenas 5 anos de amizade meio q oculta, o importante é q vc é quem vc é ! Te acho a amiga + inteligente e Capaz, Parabéns e continue assim, sei lá, entende? Jacú ?
    Bjao.

    SAUDADES!

    ResponderExcluir
  2. Ai ai Rê,
    Incrível como nós, seres humanos, somos tão diferentes e ao mesmo tempo tão parecidos... me identifico tanto com teus textos... são pura energia e verdades... arrepiei lendo!!! Guria, sinto tanta intensidade em tua palavras, imagino as atitudes...hehehe mas mulheres assim assustam não é mesmo??!!

    Bjokas,

    Ju

    ResponderExcluir
  3. Oi,

    Sua dor de cabeça realmente devia estar insuportável!!!!!!
    Ah...tem mais uma coisa que voce realmente sabe, que faz qualquer coisa para ajudar e proteger animais necessitados...

    "Gente chata, burra, mais idiota deste mundo ou sem ATITUDE..."

    Ainda nao sei com qual adjetivo assinar..

    Espero que orações tenham ajudado sua dor de cabeça...

    ResponderExcluir
  4. Re Pinheiro,

    mais uma vez me impressionou com suas palavras...Talvez um dia possamos trabalhar juntos.

    Tom C.

    ResponderExcluir