sábado, 12 de maio de 2012

Moçinho e Bandido






E só por hoje eu ficarei sem pensar em você.
Pronto lembrei!
Só de pensar que não irei pensar já estou pensando.
E no meio do silêncio deste louco pensamento sinto o vibrar de um toque entre os dedos.
O aparelho que grita, traduzindo alguém que espera.
Atrás de montanhas e um imenso Rio... se esconde o Leão.
O timbre rouco da paz inquieta.
O baixo contraste, mãos que    e o mais alto contrauto da emoção.
E neste instante se dissipa a saudade, soa o alarde de novos contos.
Uma outra história e um novo fim,
O inicio de uma velha passagem.
Lembranças se misturam e transformam.
Desejos se multiplicam e se confundem.
Seria a Bela, no ápice indo de encontro ao bandido ?
E o que seria o bandido se tratando desta visceral estoria da VIDA?
Bandido é quem mata ou é aquele te faz desejar morrer?
O moçinho não mais surge para salvar.
E o beijo do principe nem sempre é aquele que te desperta.
Poderá ser aquele que te dará sono.

Beijos


Rê Pinheiro

domingo, 6 de maio de 2012

O SURTO





Há dias que acordamos completamente estranhos, ou completamente normais para aqueles que nos acham estranhos.
E tem noites que sentimos vontades loucas, desejos esquisitos e quando isso acontece, você deve fazer apenas uma única coisa, SE TRANQUE.
Se tranque num lugar qualquer, e não faça contatos com ninguém pois estes dias são aqueles dias perigosos, dias em que sua probabilidade de fazer uma grande cagada são eminentes.
Então como estou passando por esta fase lunar, comecei a pensar sobre vários assuntos, quiz de alguma forma tentar ajudar a humanidade em algo realmente concreto que fosse útil, eficaz e de prefência prático e ágil.
Claro que pesquisei muito, e apos umas duas consultas no Google encontrei algo muito interessante, que estarei compartilhando, pois se trata de algo primordial e de grande utilidade publica:

Encontrei num site o significado da letra "R"no incio do nome.

( "Definida pelo sábio Pitágoras (570 a.C. – 497 a.C.) como a “vibração primordial do ser”. A inicial de cada nome merece um destaque especial.
A pessoa com a letra “R”, no início do nome, possui um entendimento mais profundo das coisas, enxerga além dos limites da condição humana, mesmo não tendo uma religião específica, é naturalmente espiritualizada. Age com muita sabedoria para resolver os problemas dos outros, mas quando tem um, sente-se desnorteada. Isso acontece porque gosta de decidir as coisas com a cabeça fria. A emoção sempre se instala no meio das dúvidas e não consegue tomar decisões. Deve aprender controlar a ansiedade e não ter medo de errar".)
Enfim, isso só veio a reforçar minha tese,
Vou ensinar uma coisa a vós meus caros, não caiam na besteira estapafurdia de se apaixonarem por alguém que cujo o nome comece com a letra "R" Estas pessoas são estranhas demais, são chatas demais, falam demais e tem um monte de defeitos de fabricação.



Beijos

Rê Pinheiro