quarta-feira, 30 de junho de 2010

Cacto...



Dono de uma beleza singular, aos olhos dos leigos ele se aproxima da introspecção.
Há nele alguns espinhos, sim, mas estes foram adquiridos como forma de proteção.
Admiro sua força e sua capacidade de "lutar" e conquistar a '"VIDA"', mesmo muitas vezes ela se mostrando não tão bela quanto aparenta ser.
Sua persistência atrai e isso lhe torna raro
Em meio a um deserto ele se faz único.
Constantemente em busca de intensidade,de altas temperaturas.
E o seco ele observa como necessidade.
Sua fome é alcançar o que muitos não alcançam.
E suas raízes lhe permitem resistir ao tempo... e sobreviver
Ele é sentimento, verdade e desejo.
Para quem consegue sentir, pois muitos passam desapercebidos ao exótico e belo cacto...
Muitos não enxergam seu real sentido e força.
É fácil apreciar a beleza de uma Rosa, mas maravilhoso é encontrar no cacto uma semelhança e atração.


Beijos
Rê Pinheiro

quarta-feira, 23 de junho de 2010

'''''''''Encantada'''''''''


O que encanta é aquele olhar de admiração.
Aquele olhar de quem enxerga qualidades talvez até inexistentes.
Encanta os cuidados os carinhos sem um momento certo para acontecer.
Aquela preocupação docê que aquece a alma.
Como aquela de passar a noite em claro para cuidar do calor de uma lareira.
Bom é quando fechamos os olhos e sentimos alguém que vela por nosso sono.
Sentimos no toque a verdade do sentimento.
O colo que acalma e o sorriso que te faz lembrar os tempos de criança.
É bom sentir aquela transparência que há tempos andava ofuscada.
A VIDA se sente leve, se empolga por viver e desejar.
Talvez ninguém compreenda, mas a compreensão é algo que se conquista.
E a conquista é um dom, mais relacionado com a sabedoria que com o sentimento.
Você conquista pela suavidade, por esta profundidade de atingir o "inatingível".
Conquista pela paciência e sensibilidade.
Parabéns, sua persistência é um privilégio de poucos.
Esta é simplicidade no seu modo mais complexo de ser, ou é
a complexidade no estado mais simples de sua existência.
O tempo pode ser breve, mas a intensidade é eminente.

Beijos
Rê Pinheiro

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Minha fé


Escutamos tanto hoje em dia se falar de religiões.
Cada dia um novo nome e um novo deus é revelado, uma nova igreja é inventada.
Construíram gigantescos templos e esqueceram do maior de todos e o único, o nosso coração.
Pessoas se prostram e idolatram imagens e suas esculturas,  adoram homens, vestidos de lindos ternos, mas completamente nus no espirito.
Batem no peito e gritam o nome de Deus, se dizem santos, sábios, pastores, enviados de Deus, videntes, outros se revelam com poderes mediúnicos. São cultuados pelo que pregam e berram.
Aprenderam tudo, estudaram tanto, e não conseguiram se quer aprender o que verdadeiramente é ter amor a seus semelhantes.
Fizeram de Deus um instrumento de marketing onde se liga a TV e escolhe qual o melhor programa, qual é o melhor "deus".
E o céu uma bolsa de valores, um campo imobiliário onde quem investe mais e paga mais consegue um melhor lucro e uma melhor moradia, quanto maior sua oferta, maior será o seu milagre e a sua recompensa.
Mas será que a miséria é tamanha que até Deus esta precisando do nosso dinheiro?
E sua essência, o amor, afinal de contas onde foi parar?
Transformaram a fé em um copo d’agua, acreditam em tudo e ao mesmo tempo em nada.
Acreditam na cura, mas no entanto ao primeiro sinal de uma simples dor de cabeça pedem socorro a Dipirona.
Se lembram de Deus apenas no desespero de alma, na angustia, na dor.
Nas alegrias da vida, comemoram,festejam mas não com Ele, neste instante Deus não é lembrado.
Muitos passam horas rezando, repetindo a mesma frase e a mesma oração, como se Deus não conseguisse compreender o que até suas palavras não conseguem dizer.
Fizeram de uma oração uma ladainha.
E esqueceram de conversar com Deus.
De buscá-lo com a alma, com a veracidade de seu coração e não com o alarde de sua boca, seus berros.
Sabem ou pensam que sabem falar, mas será que sabem ou conseguem ouvir Deus?
Ele esta ali diante de você e mesmo assim você não o sente.
Não sente porque o coração esta repleto de tudo menos da sua presença.
Todos nós podemos conversar com Ele, mas poucos conseguem ouvi-lo de verdade.
Porque será?
Talvez Ele esteja esperando suas verdades, seus sentimentos, suas emoções, alegrias e tristezas.
Ele não esta esperando só aquela palavra de gratidão, embora isso também seja primordial.
Mas só agradecer não basta.
Tente ser amigo de verdade de Deus.
Conhecê-lo e amá-lo por sua infinita grandeza, sabedoria e bondade, não porque apenas Ele te dá TUDO.
Eu aprendi isso numa tarde, quando senti pela primeira vez a vontade de sair correndo e pular no colo de Deus, sentia tanta vontade de dar um abraço bem forte e apertado, senti ali naquele momento a alegria de sentir Deus e de amar Deus.
Mas além de amar é preciso demonstrar, para isso requer ser forte, pois demonstrar a Ele que o amamos é difícil mas demonstrar ao nosso próximo este amor é mais complicado ainda.
Aceitar os erros dos outros e estender a mão é uma tarefa árdua e muitas vezes dolorida para o nosso ego.
Olhar e por um momento tentar se colocar na situação da outra pessoa.
Tentar pensar com o amor que um dia Cristo aqui na terra nos ensinou.
Somos seres falhos e imperfeitos, mas se tentamos agir com este amor pelo menos um pouquinho de nós estará evoluindo a cada dia.

Aprender, lá com aquela Primeira Carta deixada por Paulo de Tarso para os Coríntios no Capítulo 13.



Beijos
Rê Pinheiro

domingo, 20 de junho de 2010

Rosas


Vou lhes contar um segredo.
As rosas podem falar.
Elas sabem sorrir.
Elas nos fazem sorrir.
Você pode duvidar, mas esta noite elas conversaram com minha alma.
Disseram que elas eram portadoras de sentimentos.
Me falaram de emoções.
Desejos e fizeram meu coração mudar de cadência.
Bendita sejam as rosas que trouxeram uma nova cor.
Agradeço de alma a cada uma delas.
Agradeço o carinho e o colo.
Ao perfume da alma.
Agradeço a docê e pura intenção.
Enfim, agradeço ao momento de ser tocada pelas rosas.


Beijos
Rê Pinheiro

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Demonstre


Vem cá, quer falar de amor?
Não fale!
DEMONSTRE.
Não espere nada. DE NINGUÈM.
Se esta com vontade de fazer algo.
FAÇA.
Melhor é o arrendimento de ter feito do que aquela sensação de fracasso de não ter tentado.
De covardes o mundo esta cheio.
Mas jamais se esqueça de valorizar as palavras.
Elas possuem uma força descomunal e só fale de fato quanto sentir.
Aquela postura de dizer “ Eu te amo” quando na verdade o mais verdadeiro seria “ Eu quero te levar para cama”
Lembrem-se as mentiras possuem um caminho breve.
Mas seja verdadeiro sem ser rude.
Mulheres gostam de atitudes de personalidade.
Inteligência é primordial.
Sensibilidade essencial
E ousadia é aquele detalhe muitos homens esquecem.
Gostamos de homem quem sabe ser homem.
Que faz juz a espécies sapiens
É fascinante aquela sensação de ser protegida.
De ser cuidada.
Valorize cada momento.
Conheça todos os sorrisos de sua mulher.
Mas não seja o tipo cordeirinho que isso irrita.
Exemplo claro:
Ouça o que digo, mas não sempre.
Me contrarie algumas vezes, dominando meus próprios instintos.
Me faça sentir Mulher, sua mulher.
Um segredo surpreenda sempre..


Beijos
Rê Pinheiro

quinta-feira, 17 de junho de 2010

A bagagem da alma.


Tudo muito quieto!

Há tempos que sinto um coração em silêncio.

Espera...

Esta pausa me fez crescer e enxergar.

Mas a pausa é dor.

Dói a saudade de desejar viver.

Doi a saudade do que ainda não vivi.

Queria mais lembrânças.

Mais sonhos.

Desejei tanto que o tempo roubou meus desejos.

Pouco é o tempo que resta.

Grande é o desejo da alma.

Ah! Minha alma, esta amiga que percorre o infinito.

A bela alma que irá chegar onde o meu corpo não alcança.

Consigo ela carregará um pouco do que sou, do que fui...

Levará sorrisos.

Abraços.

Os docês momentos.

Ela carregará o amor o verdadeiro amor da VIDA.

Será a guardiã dos sentimentos, emoções e desejos.

As tristezas ela deixará aqui.

As dores de uma VIDA serão esquecidas.

E tudo valerá a pena.

Porque dei asas e vida a minha alma.

Quero apenas que você abra a janela e deixe o Sol entrar.

De o seu sorriso mais lindo e lembrê-se que a VIDA estará dentro de ti, com toda a força de um amor...

Com a beleza de sua alma.




Beijos
Rê Pinheiro

sexta-feira, 4 de junho de 2010

Desatino











Se você parar por um segundo poderá ouvir o que eu não digo.

Saberá que sinto porque sinto, sem razão, sem causa, sem efeito ou destino.

Sou este constante desatino de desejos.

Te quero.

Porque você é assim, minha paz e inferno.

Quer uma sugestão?

Me agarre!

Use toda esta inteligência poética para me amar.

Tenha a ousadia de ser homem de ser louco.

Pra que pensar?

Pensar...e pensar...

Se no fim das contas tudo acaba em mim?

Agora me fale:

Você quer mesmo ser feliz?

Então jogue seus porquês numa lata de lixo bem funda e com uma tampa enorme e corre para algo real, saia dos sonhos e aproveite o que a bela vida lhe deu de presente.


EU!




Beijos
Rê Pinheiro

terça-feira, 1 de junho de 2010

Falando de sentimentos



De verdade, cada ser humano deveria nascer com um manual.
E conforme os anos fossem passando e as pessoas surgindo em nossas vidas poderiámos entregar a elas este tal manual para facilitar a convivência.
Nossa, os relacionamentos seriam tão mais facéis.
Querer alguém que te ame, é fácil, NÃO! Não é fácil, é mais complicado que eu imaginava.
Porque não queremos um amor simples,pelo menos eu não quero contos de fadas, história com final feliz.
Quero mesmo é respeito, alguém que aceite definitivamente a imperfeição dos meus amontoados de defeitos.
Que saiba compreender que sou gente, que erra, que fala besteira que se irrita, chora e tem celulite.
Que ronco quando estou cansada e falo enquanto estou dormindo.
Sou organizada sim, mas minha organização não tem hora nem dia marcados.
Faço o que quero e quando quero.
Não suporto limites, eles não me permitem respirar.
Mas não me deixe solta demais, pois terei necessidade de voar.
Para minhas amigas mulheres digo apenas uma coisa:  "O homem perfeito não existe."
Desista!
Se ele abre a porta do carro, pode ser que não saiba abrir a porta do coração para você entrar.
Ele pode te mandar muitos chocolates, mas também poderá te mandar para lugar que nem vou mencionar o nome quando estiver irritado.
Ele pode ter aquela pegada maravilhosa que faz você enlouquecer, mas terá surtos quando você apertar os botões de seu carro.
Então o que fazer?
Ah! Sim, vamos por partes...
Escolha aqueles que olham em teus olhos com profundidade quando você fala.
Aquele te elogie, mas que saiba criticar com sabedoria quando você falha.
Eu particularmente tenho a minha preferência.
Gosto dos homens inteligentes, não os metidos a sábios, mas aqueles que sabem de tudo um pouco e que tem fome de conhecer.
Amo o que é sensivel que usa a sua senbilidade, que não receios em demonstrar seus sentimentos.
Nada melhor que a ousadia, bem vinda e santa ousadia.
Não basta ser inteligente, sensivel e não ser ousado.
Mas não confundam o ousado com o abusado.
Também gosto dos curiosos.
E de quem sabe sorrir.
Beijos


Rê Pinheiro